Porque a bateria de carro é feita de chumbo?

Você pelo jeito tem algumas dúvidas referentes ao universo das baterias automotivas, e uma delas em especial é com relação a uma parte importante desse componente do carro, a proteção. Sim, a bateria de carro é protegida por uma espessura grossa de chumbo. Mas porque é necessário ter essa proteção toda para uma bateria? Nós da Cais Baterias temos a energia certa para salvar o seu dia e vamos responder agora o motivo disso!

Primeiro é necessário saber que, como a bateria é uma fonte de energia, ela possui diversos elementos químicos dentro dela aliado com grandes pilhas, isso faz com que seja gerada energia elétrica, sendo transmitida para o restante do veículo automotivo. Dentro desse tipo de bateria, há dois eletrodos, um feito de uma fina camada de chumbo esponjoso, outro de dióxido de chumbo em pó, tudo mergulhado em uma solução de ácido sulfúrico.

A questão é que esses componentes químicos são tóxicos, principalmente o ácido sulfúrico, e é onde entra a placa de chumbo externa. Conhecida pela maioria dos especialistas como placa de chumbo ácido, ela evita que qualquer substância química acabe saindo da bateria, assim impedindo contaminação ou danos para quem costuma manusear o produto.

Esperamos que tenha achado a informação importante! O universo das baterias, em especial das baterias de carro, sempre tem detalhes interessantes e que pode até te ajudar a tirar dúvidas de alguém menos experiente nas estradas. E comente aqui abaixo, você sabia que a sua bateria automotiva tinha elementos químicos?

O que é bateria VRLA?

Você já deve ter se perguntado o que seria uma bateria VRLA. É sempre bom saber que esse tipo de bateria possui energia e utilização específicas, mas nunca alguém especializado te disse o real significado e uso delas, até hoje. Nós da Cais Baterias vamos salvar o seu dia e te tirar essa dúvida de uma vez por todas!

Uma bateria VRLA é a sigla para “Valve Regulated Lead Acid”, ou no bom português, “Ácido de chumbo regulado por válvula”. Esse tipo de bateria é selada, ou seja, não precisa de manutenção, como ocorre em algumas baterias de carro, moto ou caminhão, não poluindo o meio ambiente e serve muito bem em ambientes fechados. Sendo totalmente revestida de chumbo, ela serve para alimentar, durante quedas de energia, diversos tipos de equipamentos elétricos e eletrônicos, entre eles: sistemas de iluminação de emergência de prédios, alarmes residenciais ou empresariais, computadores via no-break, equipamentos de hospitais, até acumular energia eólica.

Mas a grande diferença entre os outros tipos de bateria tem relação com sua duração. Apesar de guardar menores quantidades de energia se comparado a uma bateria automotiva, a bateria VRLA consegue ter muito mais ciclos de carga e descarga. Vamos citar de exemplo a bateria da Unipower, a modelo UP12120, a vida útil dessa e de qualquer outra bateria dessa categoria é entre 4 e 6 anos, comparado aos 2 a 3 anos da bateria para carro.

Agora que está muito mais claro para você o que realmente é uma bateria VRLA, comente aqui embaixo qual vai ser o uso seu para essa bateria: alarme da sua casa, no-break, iluminação do seu prédio? Qual vai ser?